Informação de adoção

Está à procura por um amigo pet? Então, este site é o lugar certo para si.

São centenas de animais que esperam ansiosamente por um lar. Será você o herói de um deles?

Pesquise aqui e adote o cão ou o gato perfeito.

POR QUE DEVO ADOTAR UM PET?

Tem ideia de quantos animais estão na rua? Ou então, quantos animais estão em abrigos? Pois é, são milhares. Todos esses animais têm direito a uma segunda oportunidade. Muitos tiveram uma família um dia e, subitamente, foram rejeitados e excluídos… Você pode fazer a diferença!

COMO SERÁ O PROCESSO DE ADOÇÃO?

  1. Registe-se no site (reservado a maiores de 18 anos).
  2. Escolha o animal na plataforma.
  3. Marcação da visita ao abrigo.
  4. Visita ao abrigo e preenchimento de questionário de adoção.
  5. Preenchimento do termo de responsabilidade.

  6. Neste momento o animal já está consigo, mas ainda poderá beneficiar de um diagnóstico ao animal que consiste num exame médico de estado geral promovido por um médico veterinário.

  7. Marcação de aconselhamento médico-veterinário, para apoio na adoção.
  8. Caso esteja em vigor uma campanha receberá um Kit de adoção durante esta visita[1] .

E já está… É simples!

RECOMENDAÇÕES

Para a adoção de gatos, é muito importante que tenha uma caixa especial que seja adequada para o transporte do felino. Não possibilitando caixas de papelão, baús de motos ou soltos dentro de veículos. Deixar o animal solto no veículo pode gerar acidentes.

Alguns abrigos têm metodologia que promove a adaptação do seu novo pet (em períodos previamente definidos) e auxiliarão com sugestões para os possíveis problemas comportamentais. Caso pretenda um acompanhamento mais personalizado pode contactar os nossos parceiros especialistas em comportamento animal.

9 dicas para uma adoção responsável:

  1. Jamais adote um animal simplesmente por impulso;
  2. Os cães vivem, em média 12 anos ou mais, esteja certo de que deseja o convívio dele durante todo esse tempo;
  3. Converse com todos os membros da família ou das pessoas que vivem consigo pois um animal muda a vida de todos;
  4. Informe-se sobre peculiaridades do animal escolhido - tamanho, comportamento, espaço físico necessário ou necessidades especiais;
  5. Cuide da saúde física do animal - alimentação, higiene, vacinas, abrigo e visitas periódicas ao veterinário;
  6. Dê atenção e carinho ao seu animal;
  7. Controle o animal durante os passeios, use sempre guias e coleiras;
  8. Eduque o seu animal, caso necessário através de treino animal, respeitando sempre as suas características;
  9. Verifique se o animal tem chip de identificação.